Como evitar a Black Fraude: conheça os 4 principais golpes dessa data!

- ANÚNCIO -

A Black Fraude começou logo que a data se tornou famosa no Brasil (2010), mas logo começou a ser desmascarada por usuários do Twitter. Essas pessoas publicaram vários relatos de preços falsos e promoções inexistentes, o que causou uma comoção. Foi aí que nasceu a piada do “tudo pela metade do dobro”.

O bom de tudo isso é que as pessoas e empresas bem intencionadas deram um jeito de diminuir com essas fraudes. Uma dessas iniciativas é o Black Friday de verdade, uma premiação para incentivar as lojas que realmente se engajaram pela data e fizeram o melhor pelo consumidor.

Entretanto, é claro que ainda existem os espertinhos, como em tudo na vida.

Por isso que ainda em clima de esquenta e muito próximo da data oficial, nós trouxemos essas dicas importantíssimas para você evitar a Black Fraude e aproveitar a data de verdade.

Lembrando que esse é o penúltimo conteúdo da nossa série de especiais da Black Friday 2020! Então, já desejamos boas compras e que todos os conteúdos que fizemos com muito carinho te ajude de verdade! <3

1 – Tudo pela metade do dobro

Sem dúvidas que essa prática ruim é a mais comum na Black Friday, sendo que foi ela que iniciou o apelido de “Black Fraude” entre os consumidores.

Afinal, ninguém é bobo, certo? Então, muitas pessoas começaram a notar que algumas lojas, alguns dias antes da data, dobravam o preço real do produto.

Sendo assim, quando o cliente chegava para comprar o produto em questão, estava lá o preço original e falso riscado e a promoção anunciada para o que, na verdade, era o valor real.

Assim:

Black Fraude Brasil
Fonte: Pinterest

Como fugir disso?

A melhor forma de se prevenir do dobro pela metade é criar alertas em comparadores de preço para o produto que você deseja comprar. Além disso, procurar por lojas que sejam confiáveis e tenham uma boa reputação no Reclame Aqui.

A gente fez um post com várias cuidados e dicas de Black Friday (incluindo uma lista de comparadores) para você economizar mais ainda nas compras e receber um produto de qualidade.

2 – Sites falsos

Aqui o buraco já é mais embaixo. A criação de sites falsos é considerado um cibercrime, onde pessoas má intencionadas criam domínios falsos para lojas que já são muito famosas, principalmente falando de marketplaces.

Na prática, o consumidor mais leigo entra nesse site falso e acredita ser o original, mas é possível notar pelo domínio que se trata de uma fraude. O objetivo dessa prática pode ser dos mais diversos, desde a disseminação de vírus até a clonagem de cartões.

Outro ponto é que esses criminosos criam anúncios falsos e conseguem distribuí-los até mesmo em sites de credibilidade, sem que esses parceiros saibam que é uma fraude. É uma pena, pois utilizam-se da autoridade de muitos blogs e portais, por exemplo, para conseguir cliques.

Ainda, você pode receber um e-mail promocional falso que direciona para esses sites criminosos.

Como fugir disso?

O primeiro passo é evitar os sites que já foram identificados e divulgados pela Infomoney. São eles:

  • black-friday-americanas.cf
  • esquentablackfridaycasasbahia.com
  • megablackfrideywalmart.com
  • walmart-blackfridey-hoje.com
  • a-melhor-black-friday-que-voce-elegeu-ta-chegando.com
  • blackfriday-br.info

Se você sabe de outro site falso que não esteja nessa lista, deixe nos comentários para ajudar os nossos leitores a fugir dessa furada!

Ademais,  fique atento a URL do site para identificar outros sites falsos. Se você achar estranho ou ficar na dúvida, jogue o nome da loja no Google. Isso porque e-commerces e marketplaces muito grandes, como americanas, vão aparecer no primeiro resultado assim que você procurar pelo nome.

No caso das lojas pouco conhecidas, vale a pena verificar essas informações no site: quem somos, contato, comentários de consumidores nos produtos e selos de qualidade no rodapé.

Por fim, sempre que você achar um anúncio ou um e-mail interessante e clicar nele, já verifique em seguida qual é o domínio do site e se ele parece ser o original. E nunca deixe o antivírus do seu navegador desligado!

Além disso, você também pode ficar ligado nos melhores sites para comprar na Black Friday para fazer compras. Veja a lista no link!

3 – Problemas de preço no carrinho

Esse caso já é mais pontual, porque a diferença de preço do carrinho para o que foi anunciado pode ser uma fraude ou um problema de comunicação na plataforma do e-commerce. Mas, a verdade é que sendo intencional ou não, você acaba sendo prejudicado.

Na prática, é mais ou menos assim: você escolheu um produto de R$100,00 e clicou em comprar. Na hora de verificar o preço no carrinho, o mesmo produto está por R$150,00.

Como fugir disso?

Esse é bem mais fácil de se prevenir, basta você criar o hábito de sempre verificar os preços dos produtos colocados no carrinho para ver se condizem com o original.

4 – Frete absurdamente caro

Essa fraude pode ser mais sutil, porque dependendo do lugar que você mora pode já estar acostumado a fretes caros. Porém, nesses casos o preço é tão absurdo que chega a ser o dobro do valor do produto comprado.

O que acontece é que o consumidor faz todo o processo de compra e só irá saber o valor do frete na fase final, já para evitar que a compra seja cancelada.

Como fugir disso?

Sites confiáveis sempre trazem a calculadora de frete já na vitrine do produto. Assim, você não precisa chegar até a finalização do carrinho para saber o valor. Entretanto, mesmo nesses casos vale verificar se o preço apontado no simulador é o mesmo indicado no carrinho.

Conclusão

Apesar de ainda existir a Black Fraude, não fique desanimado com isso. Muitas lojas estão empenhadas a fazer dessa data algo realmente bom para o consumidor, tanto que muitas pessoas esperam o ano todo para comprar em Novembro.

Por isso, fique atento e dê preferência para lojas conhecidas e que estão a mais tempo no mercado. Ou, se você quer incentivar um pequeno negócio, não exite em ler as páginas institucionais do site e os comentários do público, principalmente em redes sociais.

Desejamos uma boa Black Friday a todos! 🙂 

E se você já passou por uma fraude, compartilhe conosco a sua experiência nos comentários. Isso pode ajudar (e muito!) os nossos leitores a se prevenirem!

- ANÚNCIO-
Gabi Schilling
Publicitária, mas o amor verdadeiro veio com o marketing digital. Adora passar o tempo lendo, escrevendo ou vendo alguma série asiática.

Posts Similares

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais vistos

Lavadora Mueller é boa?

Se a Mueller é boa ou não você vai ver junto comigo ao longo desse post, mas uma coisa eu já posso afirmar: é...

As 5 melhores coifas para comprar agora!

Já faz um bom tempo que avaliamos diversas marcas de coifas aqui no SQÉB. E como não são todas que consideramos como uma boa...

Coifa Gallant é boa?

Eu quis escrever essa avaliação para saber se a coifa Gallant é boa porque, para mim, essa é uma marca totalmente nova. Além disso,...