Colchão Emma é bom?

- ANÚNCIO -

O colchão Emma é bom porque além da tecnologia alemã, feita para não agredir a nossa estrutura corporal durante o sono, a marca tem um diferencial bem chamativo. Nesse caso, estamos falando do teste de 100 dias, para que você possa usar o colchão durante esse período para saber se é realmente o que precisa ou não.

Sobre isso e mais outros fatores que fazem da Emma uma das melhores marcas de colchão hoje em dia, vamos falar em detalhes a seguir!

A Emma e seu reconhecimento de mercado

A Emma é uma marca alemã que nasceu em 2015, em Frankfurt, e se tornou um dos produtos mais competitivos no mercado de colchões europeus e também uma das lojas online mais famosas por lá. Além dos países Europeus, a Emma também comercializa colchões nos EUA, China, Índia e no Brasil desde 2019.

Prêmios e selos

Entre as certificações, prêmios e selos de reconhecimento pelo bom trabalho e produto de qualidade, a Emma tem os seguintes destaques:

  • Certificação do Inmetro em 2019;
  • Selo ÓTIMO em qualidade de atendimento no Reclame Aqui (atual);
  • Selo Proteste no Brasil em 2020;
  • Produto do Ano em 2019 na França;
  • Primeira do teste Achat de 2018 na Bélgica;
  • Melhor do teste DECO PROTESTE de 2017-2018 em Portugal;
  • Primeira no best on Test da Which de 2018-2019 no Reino Unido;
  • Primeira do Teste Altroconsumo de 2017-2018 na Itália.

Essas gratificações são bem importantes para ajudar a entender quando um produto é de boa qualidade. Afinal, são dados por órgãos responsáveis pelos testes práticos e de segurança (como o do Inmetro e Proteste), ou eleitos pelos consumidores (como Reclame Aqui e Produto do Ano.

Diferenciais que reforçam que o colchão Emma é bom

Além dos selos e premiações de qualidade da marca, a Emma possui alguns diferenciais bem interessantes em relação à concorrentes. Olha só:

100 noites de teste

Esse é um dos principais diferenciais da Emma. Isso porque a marca acredita que não adianta você ir em uma loja, deitar no colchão e acreditar que essa experiência é o suficiente para a satisfação.

Então, a proposta deles é que após a sua compra, você tem 100 dias para testar o colchão e devolver o produto se não for aquilo que esperava, recebendo o reembolso. Sendo assim, eles defendem que a verdadeira forma de “testar” um colchão é usando ele no dia a dia por um período de tempo extenso o suficiente para perceber os prós e contras.

O mais legal é que se comprar pelo site da Emma, eles entregam gratuitamente o colchão em sua casa, em qualquer lugar do Brasil. Ainda, no caso de passar os 100 dias e não se adaptar ao colchão Emma, a devolução também é gratuita. Ou seja, basta entrar em contato com a equipe de atendimento para combinar o processo de devolução.

E depois de ter o comprovante da devolutiva em mãos, a empresa faz o reembolso do seu valor de compra. 🙂 Nós achamos bem interessante essa proposta da Emma, um super diferencial mesmo!

10 anos de garantia

Além da proposta dos 100 dias de teste, a Emma ainda investe em um período bem grande de garantia dos seus colchões. Isso porque a marca realmente trabalha muito forte o seu lema de qualidade, a ponto de oferecer todos esses benefícios.

Na prática, a garantia de 10 anos cobre a durabilidade do produto, a estabilidade e o núcleo do colchão. Ou seja, defeitos de cortes de espuma, defeitos na colagem, defeitos no tecido da capa ou a própria deformação natural da espuma (desde que acima de 10% da espessura original).

Tecnologia alemã

Abaixo, os 4 componentes que fazem a qualidade do colchão Emma, o que eles chamam de “tecnologia alemã”:

  • Capa antiderrapante e respirável: estabiliza a temperatura da superfície e possui uma boa aderência.
  • Espuma Airgocell: é o tipo de espuma que comprime sem afetar o restante do colchão, para não atrapalhar o conforto do parceiro. Além disso, dá aquela sensação de frescor.
  • Espuma viscoelástica: nada mais é do que a mesma espuma do travesseiro NASA, feita para distribuir a pressão de forma que a superfície se adapte ao formato do corpo.
  • Espuma de suporte: para fazer a contrapressão que mantém a zona lombar confortável na hora de dormir, além de suavizar regiões como ombro, lordose, pélvis e cabeça.

Tecnologia Alemã do Colchão Emma
Emma

Então, o colchão Emma é bom mesmo?

Selo Será Que é BomO colchão Emma é bom sim!

Geralmente, nós costumamos trazer nas avaliações mais sobre os feedbacks de clientes em marketplaces, Reclame Aqui e os sites próprios das marcas/lojas. Mas, nesse caso, o colchão Emma é bom somente pelo fato da marca deixar que você realmente teste o produto e possa devolvê-lo caso não goste.

Isso é um diferencial muito grande no mercado de colchões, porque de fato é difícil prever se iremos gostar ou não apenas indo na loja e “deitando” nas opções por meros minutos. Além disso, tem a questão dos 10 anos de garantia, que também é um período muito bom para produtos desse tipo.

Por fim, uma dica extra do SQÉB: se for comprar um colchão Emma, tente fazer isso em um período em que os 100 dias pegue a troca de estações. Assim, você vai conseguir testar o produto tanto em dias frios como quentes.

Então, você, acredita que o Colchão Emma é bom? O que achou dos diferenciais dessa empresa? Conte para nós aqui nos comentários!

- ANÚNCIO-
Gabi Schilling
Publicitária, mas o amor verdadeiro veio com o marketing digital. Adora passar o tempo lendo, escrevendo ou vendo alguma série asiática.

Posts Similares

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais vistos

Micro-ondas Britânia é bom?

Dessa vez, foi mais difícil concluir se o micro-ondas Britânia é bom. Isso porque não encontramos muitos feedbacks de clientes. Por exemplo, o primeiro lugar...

Colchão Emma é bom?

O colchão Emma é bom porque além da tecnologia alemã, feita para não agredir a nossa estrutura corporal durante o sono, a marca tem...

Fogão Electrolux é bom?

Que o fogão Electrolux é bom você já deve achar que sim, certo? Afinal, estamos falando de uma das maiores marcas de eletrodomésticos. Mas,...